Letras

Algum Lugar

Música e Letra: Carlos José Alves
Todos os dias ao entardecer
Eu fecho os olhos para viajar
Pra algum lugar daqui distante
Nenhuma dor, nenhum rancor
Aonde eu chego num instante
E que a tristeza não pode alcançar
Manhã numa praia qualquer
Ouvir a música do mar
Sentir a água sob os pés
A lavar minha alma,  esquecer…
Todos os dias neste meu viver
Eu conto as horas para viajar
Pra algum lugar imaginário
Tão distante, tão seguro
Aonde eu vivo em harmonia
E que a tristeza não pode alcançar
Ouvir o vento ressoar
No campo, na serra ou no mar
Sentir o vento a soprar
E levar minha dor, esquecer…

Breve

Música e Letra: Carlos José Alves
Breve
Tudo irá mudar
Tudo vai passar
Voltará
O sol no céu
Vencer as nuvens
E se mostrar a brilhar
Certo
Como um dia após o outro
Estações irão passar
Nada irá nos impedir
De renascer
Das cinzas todas
Emergir, e vencer
Como o acordar de um pesadelo
Como o nascer de uma criança
Como o raiar de um novo dia
Como um novo sopro de esperança
Solidão, tristeza e dor
No passado irão ficar
Muito vaga essa lembrança
De um dia que passou

Caminhando

Música e Letra: Carlos José Alves
Onde estará a felicidade?
Quero encontrar, onde estiver
Onde está você?
Quero te encontrar
Quero para sempre
Quero te amar
Caminhando pela estrada
Do meu viver
Procurando alguma coisa
Que me leve a você
Sem noção de direção
Esquecendo do tempo
Procurando aqui e ali
Em qualquer lugar
Será que em algum lugar irei encontrar você?
Será que algum dia irei amar você?
Nem quando numa espaçonave eu viajei
Nem mesmo quando a máquina do tempo usei
Será que eu vou te encontrar?
Procurando algum caminho
Que me leve a você
Sem medir nenhum esforço
Pra te encontrar
Viajando contra o vento
E contra a maré
Viajando contra o tempo
E o tempo acabando
Será que o meu destino é não achar você?
Em todos os lugares que eu te procurei
Nem sombras, nem vestígios,
Pista alguma achei
A realidade terei que encarar
Vou aprender a viver sem você

Canção de Amor

Música e Letra: Carlos José Alves
Nada tenho a temer
Não preciso esconder de nada!
Distorcendo a verdade
Um atalho criando aos sonhos
Realidade?  À parte!
Só um mundo de sonhos
Dominando o medo
Derrubando barreiras, pudores!
Viajando só,  viajando a dois
Numa canção, canção de amor
Simples, singela, sincera e tola
Nenhum rodeio, nenhum  receio
Acreditando no impossível
No improvável se arriscando
Não me importa o que digam
Não me importa o que pensem
Que julguem!
Só me importa o que eu sinto
Só me importa o que eu faço
Agora!
Não me prendo ao passado
Mas viajo ao futuro
Solidão me persegue
Mas não pode pegar-me
Enquanto…
O seu perdão eu conseguir
Meus erros todos eu reparar
Amar você sem te tocar
Chegar no sol sem se queimar
Numa canção  eu viajar
Nenhum limite
De tempo ou direção

Gosto de Quero Mais

Música e Letra: Carlos José Alves
Quero te encontrar mais uma vez
Novamente sentir o que passou
Quero te tocar mais uma vez
Quero te amar mais outra vez
A noite já caía
O dia escurecia
Promessa que surgia
De te amar mais uma vez
Gosto de quero mais
Que nunca se satisfaz
Que quer mais uma vez
E quer mais outra vez
Outra vez te amar
Outra vez sentir
Tanto amor que havia
Que nos uniu um dia

Hora de Dizer Adeus

Música e Letra: Carlos José Alves
Esperança foi-se com o vento
Que soprou em nossa direção
E levou aquele sonho, tão bonito sonho
Que tivemos juntos
Música soava no meu ser
Embalava um sonho com você
Se calou a música
E o silêncio assumiu, a solidão ficou
Já é hora de acordar, hora de dizer adeus
Hora de manter os pés, firmes bem aqui no chão
Minha peça eu já encenei
Música eu já toquei
Flores entreguei, poesia declamei
Seu coração eu não toquei
Ah! O nosso livro já reli
Ah! Nossa história revivi
Num dia cinzento, triste e sem brilho
Outros rumos nós tomamos
Hora de sair de cena, hora de dizer adeus
Hora de se calar, hora de não mais te amar
Como areia na minha mão
Que me escapa entre os dedos
Você foi-se embora tão depressa
Que eu nem mesmo  pude  segurar
Nunca mais você tocar, acariciar e poder sonhar
Os momentos que passamos
Sonhos que sonhamos que não voltam mais

Nossos Sinos

Música e Letra: Carlos José Alves
Quero
Com você a cada manhã
Sonhar
Com o que a vida irá nos dar
Quero
Com você ao entardecer
Louvar
O que a vida já nos deu
Um dia irá surgir que entre nós dois
Nenhuma distância haverá
Lado a lado iremos
Repartir as nossas vidas
Haverá um dia em que nós dois
Caminharemos juntos
Nesta longa estrada
Que é o nosso viver
A montanha da felicidade
Passo a passo iremos escalar
Mas não esqueceremos
Tudo o que ficou pra traz
Atravessar o mar das ilusões
Sem perder o norte da fé
Sem deixar a descrença nos envolver
No pântano da inveja e do rancor
Não iremos nos atolar
Saberemos dar cada passo em seu lugar
Sobre a maré da hipocrisia
Nós iremos flutuar
Com toda a paz que o nosso amor nos traz
O descompassar de nossas vidas
O nosso amor irá acertar
O seu sino e o meu ao mesmo tempo
Pra sempre irão juntos bater

O Tempo

Música e Letra: Carlos José Alves
Passa o sol
Passa a lua
Gira a terra
E gira a lua também
Passa o inverno
E o verão
Só não passa
O meu amor por você
Dias vão
Dias vêm
Passa o mês
E outro ano também
Passa a dor
E a alegria
Só não passa
O meu amor por você
Noite adentro estou a te esperar
Conto o tique-taque do relógio
Olho na janela o amanhecer
Peço ao amigo tempo a solução
O tempo apaga
Aquela chama
Alivia
O sofrimento
Leva embora a agonia
Só não me faz esquecer de você
O tempo fecha
Todas as feridas
O tempo tira
Aquela imensa dor
O tempo isto….
O tempo aquilo….
Ele só não traz
Você de volta pra mim

Olhar

Música e Letra: Carlos José Alves
Quando o seu olhar
Meus olhos avistaram
Quase resisti
Tentei fugir
Não consegui
E naquele instante
Vi em seu sorriso
Uma luz a brilhar
Me atrair
Me seduzir
E do seu amor
Virei refém
E agora estou
A te esperar
A te amar

Paraíso

Música e Letra: Carlos José Alves
Era como um sonho no paraíso
Por alguns momentos você ao meu lado
Deste breve sonho
Não quis acordar
Você fechou a porta do paraíso
Mas deixe a porta aberta
Pra quando eu voltar
Não tire as esperanças
E que eu possa sonhar
Em um pôr-de-sol
Estando ao seu lado
Estrelas no céu
A nos olhar
Deitado ao seu lado
A te amar
E assim com você
Poder despertar
Sonho tão distante
Como o horizonte
Algo assim tão longe
Não posso alcançar
Por alguns segundos
Seus lábios beijei
Por alguns segundos
Seu amor pensei ter
Mas deixe a porta aberta
Pra quando eu voltar
Não tire as esperanças
E que eu possa sonhar

Sentimento

Música: Carlos José Alves e Jorge Cardus Barros Figueiredo
Letra: Carlos José Alves
Nem o tempo pode apagar
O meu amor
Nada vai poder tirar de mim
O meu sentimento
O meu sonho é livre como o vento
Que atravessa o verde mar e o céu azul
E toca num beijo suave a face da lua
No céu, de noite
Com as estrelas
Sempre a brilhar
Como seus olhos
A distância não pode afastar
Você de mim
E não pode apagar a chama do meu amor
Meu amor é livre como o vento
Que atravessa longas distâncias
E o tempo atroz
E toca num beijo suave a sua pele
Rosada, macia, suave
E vai estar com você a todo momento

Um Dia, Um Sonho

Música e Letra: Carlos José Alves
Passo todo instante a te esperar
Conto os minutos, cada hora, cada dia
Só pra te encontrar
Mas você não vem…
Música suave você gosta
Penso em cada acorde, cada verso, cada nota
Mas você não vem…
Mais uma vez não vem…
Mas um dia, num sonho você chegou
Nas primeiras horas da manhã
Todos os segundos que esperei
E agora estou ao lado seu
Esperaria o dobro outra vez
Aguardaria um novo amanhecer
Tudo valeria a pena
Só mais um instante com você
Cada novo dia nova aurora
Nova chance de te ver
Flores eu as colho e as disponho
Lado a lado como uma cerca, um abraço
A te envolver
Mas você não vem…
Vermelho tapete eu lhe estendo
Trompas que ressoam numa saudação real
Pra te receber
Mas você não vem…
Como uma luz na escuridão
Como um oásis  num deserto
Você me traz paz  ao coração
Você  traz sentido ao meu viver